Vitória Moda 2019 : Espaço Business incentiva moda consciente e compra inteligente

Vitória Moda 2019

Espaço Business incentiva moda consciente e compra inteligente e mostra que sustentabilidade está em alta no mercado de moda capixaba

A sustentabilidade está em alta no mundo da moda!  Prova disso são as empresas que irão participar do ‘Espaço Business’ no Vitória Moda 2019 – Ano 12. Com o tema A Moda em R(Evolução), o evento apresenta a valorização da mão de obra do setor com a preocupação com o meio ambiente. Trabalho artesanal, material reciclado, reaproveitamento de água são algumas das ações das marcas em suas fabricações.  Acessórios, roupas, calçados estarão presentes nas diversas empresas participantes, entre elas a Casa Bela Joias; Arte Nós; Bianca Vidal; Paulo Cezar de Jesus; Arte Nós; Cecília Pinheiro; Studio Mikka; Floriê Acessórios; Dirceu Pratas; Zentih Rosa Joias do Mar; Acessórios Artesanais; Anna Meiry de Medeiros Paula, Rosê; Allu; Misericórdia Infinita Moda Cristã; Annyprof Cosméticos; Colaborarte Mercado Colaborativo Itinerante; D’As Amigas; Ideia Bacana; Balu Make Up; Life Brasil; Revista Anima Mag; Sport Biss; Free Ocean; Matriz Sistemas; Flor de Maria; Pura Vida Brasil; Gritaah; SBM e Libertees. Abaixo seguem informações de algumas empresas:

Studio Mikka – Comandada pela empresária Mikka Wentz. Faz acessórios como adereços de cabeça, brincos, colares, bolsas e chapéus feitos com um material chamado “Papel Artesanal”. Este papel é produzido com fibras de bananeira, sisal, bagaço de gengibre, fibras de algodão e micro sementes que são produtos abundantes na natureza. “Produzimos as flores e folhas que são usados nos acessórios e utilizamos cores vibrantes como o calor que envolve a mulher capixaba e  tons escuros das vegetações e matas que a cercam. Queremos atender ao público feminino que está em busca do inusitado, exclusivo e que pensa em minimizar os impactos ambientais”, pontua.

Paulo Cezar Pereira de Jesus – O empresário Paulo Cezar Pereira de Jesus vai mostrar seus produtos em marchetaria como bolsas e acessórios como brincos e anéis. “Todo o meu material é adquirido através da reciclagem contribuindo de forma sustentável com o meio ambiente e com a economia criativa”, afirma Jesus. A marchetaria é a arte do encaixe de ornamentar superfícies planas de móveis, pisos, tetos, através da incrustação de materiais diversos, como madeira, metais, madrepérola, pedras tendo como suporte a madeira.

Casa Bela Jóias – O empresário Edvan Rodrigues Lopes trabalha há mais de 10 anos com fabricação de produtos diferenciados, feitos artesanalmente. A frente da Casa Bela Jóias ele fabrica joias com trabalhos em dobraduras e emaranhados de arames de alumínio e cobre, tudo aliado ao design. “Utilizo material reciclado e contribuímos com a inovação no universo da moda. Este ano estamos com uma parceria com a ceramista Bianca Vidal que vai aliar o arame à cerâmica”, conta. 

Allu – Empresa que aposta na moda consciente e que se preocupa com a valorização do trabalho manual e local, produzindo peças em pequena escala e exclusivas, segundo a empresária a frente da marca, Luana. “Nossa moda feminina é casual, feita com peças atemporais respeitando o tempo de produção de cada modelo”, explica. “Priorizamos o uso de matéria prima brasileira com mão de obra local e entendemos a moda de forma afetuosa e consciente, sem ditaduras”, finaliza.

Rosê Conceito Feminino – A marca autoral Rosê comandada por Dionice Silva conta com peças confeccionadas em pequena escala, e atemporais com tamanhos disponíveis do 38 ao 48. Atendo a um público de tamanhos variados, respeitando as suas individualidades, e ainda fazemos atendimento delivery, com cada cliente.  “Utilizo papel reciclado para os moldes das peças, contribuindo para o meio ambiente e uma moda consciente”, conta.

Com Maria – Teremos marca fitness no Espaço Business com o talento das empresárias Gabryela Entringer e Robertta Pereira que apresentam sua marca Com Maria. Criada a cerca de um ano e seis meses, as peças de moda fitness femininas são exclusivas, modernas e que prezam pelo conforto. “Buscamos sempre a melhor tecnologia dos tecidos com proteção UV, secagem rápida, sem deixar de lado a beleza”, conta Gabryela.  “Além disso, buscamos atingir o máximo de produção sustentável construindo um propósito que se agrega a marca, que é o de cuidar do planeta”, afirma.

Andreza Pessini – Mais opções de acessórios artesanais surgem com a empresária Andreza Pessini que fabrica peças que levam seu nome há 10 anos. “Produzo acessórios artesanais como colares, brincos, braceletes em couro ecológico, pedras brasileiras e resíduos de mármore e granito. Meu trabalho ajuda um projeto de adolescentes de Venda Nova do Imigrante onde as pedras destes resíduos são produzidas e ainda fomento a participação de outros artesãos e microempreendedores no meu projeto de comercialização nos shoppings da Grande Vitória”, conta Andreza.

SBM Etiquetas – Comandada por Gustavo Sily Teixeira, aSBM Etiquetas é uma empresa que fabrica etiquetas para confecções e assim estão sempre em busca de inovação no segmento visando excelência no atendimento. “Temos todo o portfólio necessário para montagem e manutenção da confecção com produtos atualizados e em evolução com a moda”, afirma Sily.

Colaborarte – Com a empresária à frente Nathalia Alves de Paula, aColaborarte é uma loja colaborativa e o Colaborarte é um Mercado Colaborativo Itinerante. Criado em abril de 2019 por Nathália de Paula, o projeto envolve moda, cultura, arte e artesanato. “Trabalhamos com foco na valorização do mercado local, da economia capixaba, e no crescimento de todo e qualquer artista. Para o evento, vamos levar a moda autoral, feita por mãos criativas, conta. “Vamos levar o despojado, ao autoral, o criativo que não se inspira no politicamente correto, é moda, mas com relatos da vida”, finaliza.

Flor de Maria – Com 10 anos de fundação, a marca Flor de Maria é comandada por Nayara Muriel. A estilista criar produtos autorais com personalidade, usando tecidos naturais como linho, algodão, viscose. “Para o evento vamos lançar a coleção “Suspiros entre Concretos” com estampas e modelagens exclusivas, aplicadas com técnica de serigrafia”, explica Nayara. “Para a economia criativa envolvendo a moda, queremos sempre contribuir para o segmento, pois produzimos materiais e movimentamos a indústria têxtil, incentivando a moda como meio de expressão, investindo e valorizando o mercado da moda autoral , que é tão amplo e diversificado”, pontua.

Misericórdia Infinita – A Misericórdia Infinita é uma loja comandada por Paulo Cezar Silva e sua esposa  Gina. Focada no mercado de moda cristã, a empresa vende peças do vestuário e acessórios com bom gosto e modernidade. “Nosso propósito é contribuir para a transformação positiva de nossa sociedade, através da promoção de um estilo de vida cristão, atuando ativamente na construção de um mundo melhor. Buscamos ocupar um espaço de uma moda com propósito que, mais do que um produto, nos leva a assumirmos nosso estilo de vida cristão em todos os espaços sociais (família, trabalho, lazer, etc), através de nossas atitudes e, também, através do que vestimos”, explica Paulo. “O Brasil é um país construído a partir de princípios e valores cristãos e possui hoje a maior população cristã do mundo (aproximadamente 180 milhões de cristãos entre católicos e protestantes). Apesar da significativa presença destes na sociedade, existem poucas iniciativas de utilização da moda como instrumento de comunicação deste estilo de vida cristão”, pondera. A empresa vende em um ponto físico e no e-commerce.

Free Ocean – A Free Ocean vai representar a moda masculina no Espaço Business do Vitória Moda. Empresa comandada por Marcilene Maciel, a loja confecciona roupas masculinas com qualidade, design, associado à natureza e sensibilidade. “Visamos a valorização da moda, com peças de qualidade e estamos sempre em busca de aprimorar a marca, com novos recursos e matéria –prima, visando o bem-estar do nosso cliente , fazendo com que nossa roupa seja a nossa segunda pele”, afirma Marcilene.

Ideia Bacana – A empresária Beatriz Koehler está a frente da Ideia Bacana – que está no mercado há um ano. “Somos uma loja colaborativa voltada para artesãos e designers capixabas. Atualmente temos 44 marcas parceiras”, explica.  O espaço vai contar com diversos produtos artesanais e autorais, na categoria de colaboração e compartilhamento – muito em alta no segmento de moda.

Arte Nós – Fará parte do Espaço Business do evento levando acessórios e joias artesanais feitas de macramê, englobando toda a gama de acessórios como tiaras, pulseiras, colares, braceletes, anéis. Comandada por Dayane Brunoro e Guilherme Irie, a empresa está no mercado desde 2015 e promove a economia criativa por meio da diversidade artístico-cultural, utilizando elementos cotidianos e da natureza para produção dos acessórios com originalidade e identidade única.

Life Brasil – Fabrica moda fitness e praia e a empresária a frente da marca é Aline Neves. Há cinco anos no mercado, a marca surgiu com uma proposta para suprir uma necessidade de mercado, transformando roupa de academia em produto de moda. “Criamos roupas para mulheres que amam seu corpo e seu estilo de vida”, explica Aline.

O Espaço Business estará integrado à passarela onde acontecem os desfiles neste ano, assim todos os presentes poderão assistir as apresentações dos desfiles das marcas.

Vitória Moda 2019 – Ano 12

Vitória Moda 2019 – a Semana da Moda Capixaba acontece entre os dias 23 e 27 de setembro, na nova sede social do Álvares Cabral, o Ilha Buffet Álvares Cabral.  A capital  capixaba vai respirar moda em um evento que está todo reformulado. Com o tema A Moda em (R) Evolução a feira irá apresentar a evolução e revolução que tem ocorrido no universo da moda. Mais do que isso, mostrará, que a moda se transforma e se reinventa, assim, o evento resolveu se reformular e estar atento ao que o público busca, como a identidade glocal (global/local), consciente, slow fashion, sem gênero, sustentável e acessível à sua realidade. Além das palestras que abrem a semana, o evento conta com Espaço Business, Espaço Gourmet e os Desfiles.